Usabilidade Arquitetura da Informao Arquitetura da Informao a

  • Slides: 25
Download presentation
Usabilidade Arquitetura da Informação

Usabilidade Arquitetura da Informação

Arquitetura da Informação É a combinação entre a organização do conteúdo em categorias e

Arquitetura da Informação É a combinação entre a organização do conteúdo em categorias e a criação de uma interface para permitir o uso de tais categorias.

Informações periféricas Disposição do conteúdo a partir da identificação de usuários do sistema: Estruturação

Informações periféricas Disposição do conteúdo a partir da identificação de usuários do sistema: Estruturação de um quadro, formado por eixos, que correspondem ao tempo possível de o usuário se dedicar ao sistema e à sua vontade de aprender (interesse).

Informações periféricas

Informações periféricas

Informações periféricas É fundamental que o sistema produzido atenda a todos os perfis possíveis

Informações periféricas É fundamental que o sistema produzido atenda a todos os perfis possíveis de usuário. Contemple a diversidade do público - aqueles que buscam uma informação essencial e aqueles que desejam usar o sistema para um aprofundamento de conteúdo.

Taxonomia É uma forma de classificação caracterizada por relações hierárquicas. Serve como base para

Taxonomia É uma forma de classificação caracterizada por relações hierárquicas. Serve como base para formar menus de navegação em sistemas com várias páginas hierarquizadas.

Taxonomia Pode estar contida dentro de um vocabulário controlado, que é um banco de

Taxonomia Pode estar contida dentro de um vocabulário controlado, que é um banco de dados que define os termos mais utilizados num determinado assunto ou porção de conteúdo e suas relações. Sua função é manter a consistência entre o conteúdo e servir como referência para as diferentes entidades que alimentam o banco de dados.

Taxonomia - Ontologia Uma ontologia é um modelo de dados que representa um conjunto

Taxonomia - Ontologia Uma ontologia é um modelo de dados que representa um conjunto de conceitos dentro de um domínio e os relacionamentos entre estes. Uma ontologia é utilizada para realizar inferência sobre os objetos do domínio.

Taxonomia - Ontologia

Taxonomia - Ontologia

Taxonomia - Folcsonomia é uma forma de classificar e organizar informações, que é usada

Taxonomia - Folcsonomia é uma forma de classificar e organizar informações, que é usada principalmente em projetos web 2. 0. Esse método permite ao próprio usuário classificar as informações de uma forma que ELE julgue correta.

Card Sorting O card-sorting é uma técnica usada para descobrir como o usuário classifica

Card Sorting O card-sorting é uma técnica usada para descobrir como o usuário classifica determinada informação em sua mente. A classificação usada no sistema deve ser semelhante a que o usuário escolheu, do contrário, não fará sentido para ele.

Card Sorting Um dos tipos de classificação mais utilizados é a taxonomia, conforme visto

Card Sorting Um dos tipos de classificação mais utilizados é a taxonomia, conforme visto anteriormente. Ela pode servir tanto para um menu de navegação, quanto para um sistema de busca, por isso é tão importante envolver o usuário no seu desenvolvimento.

Card Sorting Como funciona? • O usuário recebe cartões descrevendo conteúdos que serão disponibilizados

Card Sorting Como funciona? • O usuário recebe cartões descrevendo conteúdos que serão disponibilizados no sistema e relaciona-os com cartões de rótulos, formando categorias. • As escolhas dos usuários participantes do teste são cruzadas e os rótulos adquirem uma porcentagem de concordância. Quanto maior, mais indicados para serem usados.

Card Sorting Quanto mais usuários envolvidos mais confiável a pesquisa.

Card Sorting Quanto mais usuários envolvidos mais confiável a pesquisa.

Wireframe Auxilia a equipe de desenvolvimento na tarefa de produzir o sistema de maneira

Wireframe Auxilia a equipe de desenvolvimento na tarefa de produzir o sistema de maneira mais rápida, padronizada e eficiente.

Wireframe Sua função é estruturar o conteúdo de cada página, indicando o peso e

Wireframe Sua função é estruturar o conteúdo de cada página, indicando o peso e relevância de cada elemento do layout e sua relação com os demais elementos formadores do todo.

Wireframe Indica a correta marcação de textos, breadcrumbs de navegação, guidelines de marca e

Wireframe Indica a correta marcação de textos, breadcrumbs de navegação, guidelines de marca e até dos recursos de programação e tecnologia a serem utilizados pela equipe de produção. Posteriormente também serve como baliza para testes de usabilidade.

Wireframe Representa esquematicamente todos os elementos que compõem a interface. Imagens, textos, formulários, mecanismos

Wireframe Representa esquematicamente todos os elementos que compõem a interface. Imagens, textos, formulários, mecanismos de busca são representados por variações gráficas de elementos - como quadrados e círculos, traços contínuos e pontilhados, palavras em negrito e sublinhadas padronizados para todos os wireframes da documentação.

Wireframe

Wireframe

Wireframe e Usabilidade O arquiteto de informação pode contribuir com a usabilidade de um

Wireframe e Usabilidade O arquiteto de informação pode contribuir com a usabilidade de um sistema no momento em que está construindo os wireframes, ao evitar conteúdos redundantes e sobreposição de conteúdo, além de layouts complexos.

Wireframe – Identidade e marca É na construção do wireframe que o arquiteto vai

Wireframe – Identidade e marca É na construção do wireframe que o arquiteto vai garantir que todo o sistema mantenha uma unidade gráfica, padronizada e uma presença de marca relevante para o cliente.

Wireframe – Riscos • Não atender as expectativas dos clientes, empresas ou instituições •

Wireframe – Riscos • Não atender as expectativas dos clientes, empresas ou instituições • Acomodação, de modo que os designers, por falta de tempo hábil ou insegurança, não mais inovem em seus projetos e sigam as indicações do wireframe à risca

Wireframe – Riscos • Por não ser desenhado na exata escala em que será

Wireframe – Riscos • Por não ser desenhado na exata escala em que será construído o sistema, pode gerar desencontros de entendimento da relevância de cada elemento na composição do sistema e seu impacto de visualização. • Necessita de tempo, educação e insistência de uso até tornar-se entendido pelos profissionais envolvidos nas etapas

Wireframe – Vantagens • Facilita a aplicação de conceitos de usabilidade já testados e

Wireframe – Vantagens • Facilita a aplicação de conceitos de usabilidade já testados e comprovadamente eficientes • Auxilia a equipe de desenvolvimento e programação na tarefa de produzir o sistema de maneira mais rápida, padronizada e eficiente

Wireframe – Vantagens • Após a implantação do sistema, os wireframes auxiliam nos testes

Wireframe – Vantagens • Após a implantação do sistema, os wireframes auxiliam nos testes de usabilidade e mostram efetivamente o que deve ser refeito em cada uma das partes • Funciona como uma documentação do sistema e deve ser consultado antes de cada modificação posterior, para prever impactos na arquitetura e funcionalidade